Vênus em Peixes volta ao movimento direto e inicia novo ciclo de 8 anos

O Feriado de Páscoa se inicia com Vênus retomando seu curso direto e exaltada no signo de Peixes. Vênus em Peixes representa o amor universal, entre sociedades e países, o amor que acolhe e é inclusivo, o amor à humanidade.Também é o amor à vida em si, o agradecimento por pertencer ao universo e por compartilhar a energia.

A Páscoa representa o nascimento de um novo ciclo e é comemorada mundialmente com símbolo de amor à humanidade.  Astrologicamente, Vênus retorna ao movimento direto e traz o nascimento de um novo ciclo, um ciclo que se repete a cada 8 anos. Embora Vênus entre em retrogradação a cada 18/19 meses, em cada um destes períodos ela está em um signo diferente e indicará uma revisão a ser feita em diferentes setores da vida.

No entanto, a cada 8 anos Vênus retrograda no mesmo ponto em que estava, nos mesmos signos e graus, o que reflete um ponto específico de nosso mapa astrológico. Ou seja, é um ciclo de 8 anos sobre um aspecto de nossa vida que está sendo revisto. O ciclo de retrogradação de Vênus por Peixes – Áries iniciou nesta Páscoa. O que estava acontecendo em Março de 2009 na sua vida? As mesmas áreas devem estar sendo questionadas em sua vida.

Neste ano, Vênus ingressou em Peixes no 03 de janeiro passou para Áries em 03 de fevereiro. Em 04 de março, ainda em Áries  iniciou sua retrogradação e retornou a Peixes em 02 de abril. No dia 15 de abril, voltou ao seu movimento direto e ficará em Peixes até dia 28 de abril, quando Vênus retorna a Áries e fica até o dia 06 de junho de 2017. Embora Mercúrio tenha ficado retrógrado, o retorno de Vênus ao movimento direto marca o início do novo ciclo criado por cada um e sobre um setor da vida, um ciclo de 8 anos.

Assim, o ponto de retrogradação de Vênus é a área de seu mapa onde estão os signos de Peixes e Áries são as áreas de mudanças e redirecionamentos. Vamos fazer um exercício para que você reflita sobre as questões, o quanto amor e desamor estão associados às áreas de vida onde Vênus está passando, o quão justo estão as questões, o quão equilibrados e o que podemos fazer para ficar mais como desejamos. Para saber a área de sua vida que realmente está sendo questionada, o segredo é olhar para o que aconteceu 8 anos atrás.

 

O significado do ciclo de 8 anos de Vênus pelo signo do ascendente

Os assuntos pessoa com ascendente em Áries, o ciclo de 8 anos do qual estamos falando trará redirecionamentos relacionados às questões de casa 12 e casa 1. Assim, é possível que há 8 anos a pessoa tenha tomado novos rumos em assuntos como espiritualidade, doenças e enfermidades podem ter surgido. Muitas pessoas nestas fases precisam rever toda sua dieta por conta de uma saúde melhor.  Pode ser também alguma questão relacionada ao inconsciente ou às crenças que levamos como verdades. A pessoa em geral precisa reinventar o seu eu (casa 1). É um convite a amar mais quem você é ou tornar-se quem você realmente amaria ser.

Para as pessoas de ascendente em Touro, o ciclo de 8 anos está relacionado às questões serão de casa 11 e casa 12. A casa 11 fala dos amigos, da vida social e do ideal de vida de uma pessoa. É uma casa que rege eventos e as festas também e a casa 12, como dissemos acima, fala da espiritualidade e enfermidades. Da mesma forma a pessoa pode estar questionando a saúde e redirecionando seu dia a dia por alguma enfermidade. Neste ciclo, possivelmente as pessoas tenham tido que rever seu ideal de vida, passar um pente fino nas amizades, resgatar amigos amados que de alguma maneira ficaram para trás na vida, rever sua vida social e espiritual, e também da mesma forma, cuidar da saúde. O amor aos amigos será um foco.

Já os ascendentes em Gêmeos, os temas serão de casa 10 e 11. Ou seja, a carreira e a sua missão no mundo tem que tomar novos rumos. Para pessoas mais jovens, é certamente um momento de rever na carreira o que a pessoa realmente gosta de fazer e o quanto ela ama aquilo com o que trabalha. É como se a pessoa tivesse que corrigir o curso de sua jornada, como se tivesse que direcionar o barco novamente para que a profissão seja mais prazerosa. Pessoas mais de idade podem decidir abrir um negócio que sempre desejaram e não puderam fazer quando jovens, por exemplo. A e tomar conta dos próprios rumos. E ainda, criar novos ideais de vida, novos amigos, uma nova vida social.  Também pode ser como para as pessoas de Touro um resgate de amigos e conexões ou um pente fino nesta área.

Para ascendentes em Câncer, o ciclo de retrogradação de 8 anos vai questionar casa 9 e casa 10. Ou seja, da mesma forma que os ascendente em Gêmeos, a carreira estará sendo revista e reavaliada. Em geral, a pessoa vai procurar uma forma fazer algo que realmente ama fazer como carreira. E as questões de casa 9 são os estudos, cursos que a pessoa vai buscar para fazer aquilo que ama fazer. Ela vai buscar aprofundar conhecimentos e experiências que a ajudem a seguir este novo direcionamento e mais um ciclo de oito anos.

Os ascendentes em Leão vão estar redirecionando assuntos de casa 8 e 9. A casa 8 rege sexualidade, os traumas de infância, as finanças dos maridos e sócios, a morte e o renascimento. O momento para os ascendentes em Leão pode não ser nada fácil. O prazer pelo sexo é uma questão a ser avaliada ou revista e ajustes precisarão acontecer. Às vezes, a pessoa passa por ciclos dolorosos de perdas e lutos e precisa rever estas coisas. Algumas vezes, é o fim apenas de algo iniciado a 8 anos, como um projeto, uma sociedade, uma carreira, mas o ciclo exige este tipo de revisão. A casa 9 é a casa dos estudos de nível superior. A pessoa as vezes com este ciclo decide fazer uma pós graduação, uma nova especialização, ou uma grande viagem para conhecer de perto novas culturas.

Pessoas que têm ascendente em Virgem as revisões serão sobre temas de casa 7 e 8. O casamento estará em foco ou sociedades se a pessoa tiver alguma. O amor a si e ao outro são as questões que precisam ser consideradas. Algumas vezes é o momento em que a pessoa decide assumir um relacionamento ou iniciar uma sociedade. Casamentos e sociedades passam por um ajuste, o barco precisa virar um pouco para que ambos cheguem onde desejam. O espaço do seu amor próprio dentro do relacionamento precisa ser apreciado também. Da mesma forma que os ascendentes em Leão, as questões sexuais, traumas e morte serão assuntos na pauta. As finanças dentro da sociedade e do casamento serão também alvos de redirecionamentos e revisões.

Para ascendentes em Libra, a retrogradação falará de assuntos de casa 6 e 7, portanto, novamente casamentos e sociedades, como acima explicado e também o dia a dia do trabalho e da rotina alimentar. Librianos especialmente precisam resgatar o amor próprio dentro de sociedades e relacionamentos. A saúde do ponto de vista de quanto a pessoa cuida de si, que exercícios faz e como vai sua dieta. Algumas pessoas passam a fazer dietas nesta fase e a cuidar melhor do corpo. A organização e o quanto a pessoa está a serviço da sociedade são pontos em discussão também.

Os ascendentes em Escorpião neste ciclo de 8 anos passam a rever questões de casa 5 e 6. A casa 5 fala dos filhos, da criatividade ou da capacidade de criar. É a casa dos namoros e da diversão. Os ascendentes em escorpião, muitas vezes em ciclos como este recebem diagnósticos complexos de filhos e precisam redirecionar suas expectativas sobre eles. Algumas vezes, são momentos em que as pessoas revisam se querem ou não ter filhos, passam por reorientações sobre questões relacionadas aos filhos. Os namoros e diversões também estão sendo reavaliados. O prazer de namorar e de se divertir precisa ser resgatado. Outra questão dos ascendentes em escorpião será sua própria organização rotineira. Talvez os filhos exijam novas rotinas e organização diferente, ou ajustes na sua autoridade. Na saúde é preciso resgatar a dieta e os exercícios, da mesma forma que ascendentes em Libra.

Pessoas nascidas com ascendente em Sagitário estarão redirecionando questões sobre casa 4 e 5. Bom, a questão aqui é fazer ou não fazer uma família, como é a minha família, como eu quero que ela seja, vamos ter filhos ou não, como me ajustar com as rotinas da família e filhos. E as questões de base também precisam ser revistas. A casa em si é uma questão. As pessoas olham para a casa que gostariam realmente de ter e revisitam conceitos sobre moradia ideal. Da mesma forma como os ascendente em escorpião, as questões de filhos e diversão acima descritas estarão em foco, mas mais no sentido de o quanto meu filho e minha família estão inseridos na minha vida.

Ascendentes em Capricórnio neste momento estarão revendo assuntos de casa 3 e casa 4. Por isso, assim como os ascendentes em sagitário, estarão olhando para a própria casa, possivelmente decidindo sobre ficar ou não na casa em que vivem, os que moram com pais em geral decidem por outro espaço. A casa como um espaço harmônico, agradável e prazeroso é o que está em questão. Se isso não estiver sendo feito, ajustes devem ser inseridos. Muitas pessoas neste período reformam suas casas. A comunicação é outro assunto que será questionado para os ascendentes em capricórnio. O prazer de aprender, o prazer de estar com os irmãos e vizinhos, o prazer de fazer pequenos cursos e de estar no meio de movimentos e novidades devem ser resgatados. A comunicação precisa ser revista, mas especialmente a comunicação sobre nós perante a família, como nos apresentamos à nossa família. A forma como nós valorizamos diante da família e irmãos precisa ser reajustada.

Ascendentes em Aquário vão ficar dedicados a assuntos de casa 2 e 3. Aqui o principal será a questão financeira. A capacidade de ganhar dinheiro e guardar, as posses e propriedades serão os assuntos em pauta. Os valores materiais e os valores pessoais são revistos. Em geral a pessoa toma um novo direcionamento sobre suas finanças e passa a dar um valor ao dinheiro que não era o seu padrão. A necessidade de ter dinheiro também fará a pessoa agir diferente como vendedor e passará a se comunicar mais focado em vendas. O foco é finanças e vendas. A comunicação aqui será da mesma forma para valorizar a si mesmo. Os irmãos poderão ajudar com ações para realizar novos projetos financeiros. Ou no sentido inverso, pode haver necessidade de ajustar a comunicação com os irmãos por conta do dinheiro. A pessoa precisa ver o padrão dela e vai fazer o inverso.

E finalmente, os ascendentes em Peixes precisarão estar olhando para as finanças, como os ascendentes em Aquário, mas também para si mesmos. O ciclo estará muito mais colocado sobre o eu e minhas finanças. O quanto o meu valor próprio pode me gerar dinheiro. Algumas pessoas neste ciclo passam a trabalhar com talentos antes nunca explorados financeiramente. Os hobbies passam a trazer dinheiro para a pessoa, ela percebe que aquele talento tem valor financeiro e que pode ajudar no projeto de estabelecer as finanças. As pessoas que vivem de talentos próprios, músicos por exemplo, podem adquirir um novo estilo de música. Podem passar a ter um novo gênero musical. Artistas podem ter novas fases de obras de arte. Escritores podem passar a ajustar seu foco, e assim sucessivamente.

O importante é saber que você está gerando novas sementes que vão tocar um ciclo de 8 anos em sua vida. Por isso, plante amor e prazer, harmonia e justiça nos setores da sua vida que estão sendo redirecionados.

 

A jornada de Vênus por Peixes em seu retorno ao movimento direto

Logo no início do movimento direto, Vênus estará em conjunção com Ceres, que rege a fertilidade. O retorno de Vênus ao movimento direto é marcado pela conjunção com Quiron, o que indica uma oportunidade de cura para alguma questão Venusiana (amor, sociedade, justiça e negócios). Durante quase todo o tempo, Vênus está em Peixes, é acompanhada de perto por um sextil de cerca de 1 grau de distância com Ceres, em Touro, signo regido por Vênus.

Ceres é um planeta anão localizado no cinturão de asteroides entre Marte e Júpiter, sendo o maior dos asteroides. Desde sua descoberta, em 1801, Ceres recebeu diversas classificações, sendo inicialmente considerada um planeta e, posteriormente, um  asteroide. Em 2006, foi enquadrada na categoria de planeta anão. Na Astrologia, a Ceres está relacionada ao crescimento das estações, à agricultura e produção de comida; aos ciclos da vida do planeta e ao crescimento o todo coletivo.  A junção de Vênus e Ceres pode trazer fertilidade e crescimento associados para o amor universal. Ações iniciadas neste período podem ser produtoras desta energia de nutrição ao amor incondicional.

Durante o período final de Vênus em Peixes, o aspecto que o planeta faz é uma quadratura com Saturno, mais precisamente no dia 21 de abril, indicando um momento de grande tensão entre empresários e a justiça e também entre limites e falta de limites. O momento exigirá que a conta seja paga.

  •  Vênus retorno ao movimento direto- 26o56 Peixes – 15/04/2017 às 7:18 (Brasília) / 15/04/2017 às 10:18 (UT)
  • Vênus 26o56 Peixes conjunção Quiron 26o36 Peixes – 15/04/2017 às 7:18 (Brasília) / 15/04/2017 às 10:18 (UT)
  • Vênus (26o57 Peixes) sextil Ceres (24o55 Touro) – 16/04/2017 às 10:25 (Brasília)/ às 13:25 (UT)
  • Vênus (27o36 Peixes) quadratura Saturno (27o36 Touro) – 16/04/2017 às 10:25 (Brasília)/ às 13:25 (UT)
  • Retorno de Vênus ao signo de Áries – 28/04/2017 às 10:14 (Brasília) / 13:14 (UT)
0 replies

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *